Escola sem Partido: para quem quer começar do zero (e de forma neutra!)

Arnaldo V. Carvalho*

Gosto de observar que as pessoas estão discutindo sobre o tema, e formulando opiniões. 99% delas não leu a o projeto de lei na íntegra, e dos que leram, muitos não puderam perceber as possibilidades interpretativas que ela suscita. Eu li (a que tramita no Rio de Janeiro), e posso dizer que tenho noções elementares para tanto. Minha sugestão primeira para quem está em dúvida é que recorram a leitura atenta e sem pressa da lei, e se não obtém, adquiram as noções mínimas que regem o direito, as inclinações que atualmente vêm regendo o mundo do Poder Judiciário no Brasil.

Após tal leitura e reflexão, você já deve ter compreendido que há projetos de lei para fazer o “Escola sem Partido” acontecer em diferentes instâncias (municipal, estadual, federal), mas a mais importante é que pretende fazer valer em todo o país, viculando-o a LDB.

Sugiro então que abra o debate junto aos amigos, familiares, e acompanhe as variadas reflexões acadêmicas e também sociais que estão publicadas na Internet.

Materinha-resumo para você começar de forma neutra:

http://www.otempo.com.br/cidades/projeto-escola-sem-partido-causa-pol%C3%AAmica-e-tem-alcance-recorde-1.1342592

Tente ler pelo menos três fontes confiáveis “pró” e “contra”, e assistir ao menos dois debates de qualidade, de preferência com pensadores da área (educadores). Afinal, para falar da saúde dos dentes você não recorreria a um advogado correto?

Seguro de opinar junto ao governo?

Então você pode usar esse link para participar da consulta pública do Senado pela Internet, que tenta fazer o “Escola sem Partido” em parte da Lei de diretrizes e Bases na Educação (passando então, repiro, a valer para todo o país).

Voilá! Você adotou um posicionamento de forma minimamente consciente, e é disso o que a sociedade mais precisa para começar a se transformar. Precisamos que as pessoas se apropriem dos temas que fazem parte do dia a dia. Parabéns!

* Arnaldo V. Carvalho é educador, terapeuta, pai e estudante de pedagogia

PS1: Vou adorar se você investir algum tempo em emitir suas reflexões ou pelo menos uma síntese delas aqui nos comentários a esse post.

PS2: Curioso(a) quanto a minha posição pessoal? Tem um pouquinho (só um pouquinho) sobre ela neste link.

 

One thought on “Escola sem Partido: para quem quer começar do zero (e de forma neutra!)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s