Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Indicações’ Category

Chimamanda e o perigo da história única

– O vídeo exibe uma incrível palestra da escritora nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie (1977-), uma das mais importantes da língua inglesa da atualidade –

Viveremos. O poder da alegria se infiltrará nos cantos mais escuros.

Jamais deixaremos a narrativa sombria que vem sendo encharcada nas mentes e corações de brasileiras e brasileiros vença.

Vamos reconhecer nossas múltiplas histórias, justapostas. Vamos compreender a força de cada um, de cada grupo e de cada povo!

Que nossos sorrisos sejam resistência!

Chimamanda! Obrigado! Obrigado por nos lembrar, ou ensinar. Obrigado por ser África, mãe, sábia, berço de toda a humanidade.

(Arnaldo)

Anúncios

Read Full Post »

Direto na Essência. Da Vida.

Read Full Post »

Thomaz Lima, um Homem de Bem.

Read Full Post »

EU TENHO A VIDA, EU TENHO A VIDA, EU TENHO A VIDA! OBRIGADO!!!

Ain’t got no home, ain’t got no shoes

Ain’t got no money, ain’t got no class

Ain’t got no skirts, ain’t got no sweater

Ain’t got no perfume, ain’t got no bed

Ain’t got no man

Ain’t got no mother, ain’t got no culture

Ain’t got no friends, ain’t got no schooling

Ain’t got no love, ain’t got no name

Ain’t got no ticket, ain’t got no token

Ain’t got no God

Then what have I got?

Why am I alive anyway?

Yeah, what have I got nobody can take away

I got my hair, I got my head

I got my brains, I got my ears

I got my eyes, I got my nose

I got my mouth, I got my smile

I got my tongue, I got my chin

I got my neck, I got my boobs

I got my heart, I got my soul

I got my back, I got my sex

I got my arms, I got my hands

I got my fingers, got my legs

I got my feet, I got my toes

I got my liver, got my blood

I’ve got life

I’ve got my freedom

I’ve got the life

I’ve got the life

And I’m gonna keep it

I’ve got the life

And nobody’s gonna take it away

I’ve got the life

Read Full Post »

Não é no que se acredita, mas o que se faz com o que se acredita. Boa segunda.

Touch, touch me Lord Jesus With Thy hand of mercy Make each throbbing heartbeat Feel Thy power divine Take my will forever I will doubt Thee never Oh, cleanse, cleanse me dear Saviour Make me wholly Thine Guide, Guide Me Jehovah Through this veil of sorrow I am saved forever Trusting in Thy love Bail me through the current O’er the chilly Jordan Lead, lead dear Master To Thy home above Bail me through the current O’er the chilly Jordan Lead, lead dear Master To Thy home above

Read Full Post »

Aretha Franklin, 1942-2018. Seguiremos orando por ti.

Read Full Post »

Meus amigos sabem que o Picasso cubista nunca me seduziu. Simplesmente não me encanta, e você pode dizer que talvez eu não seja aberto a maneira como ele traduzia o mundo em representações fundidas em diferentes ângulos. Deve ser. O fato é que há obras em Picasso que amo, sobretudo de sua fase pré-cubista e uma mais tardia, após seu casamento com Jacqueline Roque, já com mais de oitenta anos. Nessa época, incursou no mundo das gravuras, e “Maternidade”, de 1963, é uma preciosidade rara.

Ela foi utilizada de maneira estilizada, como capa de um trabalho acadêmico sobre o tema, de Beatriz Miranda, mãe de minha primeira filha, Clara. No dia de hoje, 13 de maio, publico a versão original e a estilizada por mim na época, em homenagem a ela que completa vinte anos, e já tem tantas histórias para contar.

Para que saiba que ela inspira seus pais desde que nasceu!
Parabéns filha Clara!
Arnaldo

https://i.pinimg.com/236x/66/59/b0/6659b008816d63660725534b18fda9f0--picasso-drawing-pablo-picasso.jpgBitmap in logoparapapai.gif

Read Full Post »

Older Posts »

%d bloggers like this: