Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Arnaldo V. Carvalho’ Category

35

Arnaldo V. Carvalho

O que há comigo?

Há dez anos… “Ontem”…

Eu me conheci gostando

De música, riso, dança

 

E fui dançar – e dancei

Fui jogar, joguei

Meu corpo ágil a mover-se

Naquilo que eu me propunha

Sempre leve e animado

Pro que eu gosto. E gostava

Tanto e de tanta coisa

E o corpo respondia, bem

Dormia, bem digeria e assim

Vivia, sem metade da

Dor, sem entortar, sem

Parecer dois (ou três). A energia

Fluía pelo meu corpo,

E me permitia ser Eu. Ou

 

Será que eu é que com o tempo

Aprendi a não permitir ser o corpo

Em nome das preocupações inúteis

Que a matéria impõe?

Read Full Post »

Um texto antigo, um narrador dramático (pois é, não faço só comédia ou infantil). Custei a postar por acreditar que um dia haverá apócrifos desse texto. 🙂 (Arnaldo)
.

Por favor, não me ame.

Por favor, não me ame. Não caia no erro de me amar. Não me ame, porque vou errar, e você sofrerá com isso. E eu sofrerei.

Sofrerei por seu sofrimento, por vê-la sofrer, por me sentir responsável pelo sofrimento. Sofrerei se estiver arrependido, culpado por não poder voltar no tempo; sofrerei se pensar que o que fiz não deveria ser motivo de sofrimento, e assim, oscilarei entre a culpa e o sentimento de injustiça. O sofrimento será insuportável, e me roubará o brilho que o amor em ti despertou. Serei triste e vazio. Serei escuro.

Por favor, não me ame.

Porque seu amor condicional eu não quero.

Arnaldo V. Carvalho

*   *   *

Read Full Post »

%d bloggers like this: