Imperador Juliano

“A luz se foi e agora nada mais resta a não ser esperar por um novo dia, um novo sol, nascido do mistério do tempo e do amor do homem pela luz”

(Gore Vidal, 1925-*)

(Frase do Imperador Juliano, em romance histórico homônimo escrito por Vidal)