Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘tenorshare’

Por Arnaldo V. Carvalho*

Pois é amigos,

Fazia tempo que não postava mais “Dicas de computador” aqui. Agora é uma dica de celular. Dá quase no mesmo. Fato: recentemente restaurei o celular para as configurações de fábrica, retornando o aparelho ao “zero”. Claro que fiz backups de tudo… Bem, QUASE tudo. E o pouco que não fiz (mensagens SMS) depois se revelaram importantes para mim.

Na tentativa de recupera-los (até agora não bem sucedido e com poucas esperanças), enveredei pelo mundo dos programas de computador, aplicativos de celular etc., que prometem recuperar dados perdidos em todo o tipo de situação: apagados por acidente, celulares danificados, e mesmo celulares “formatados” como o meu.

Vou aqui dar dicas para você não deixar acontecer o que houve comigo, a corrigir falhas simples, e adiantar caminho, pois consultei dezenas de páginas, fui a vários fóruns, experimentei um monte de “soluções” e deu para entender algumas coisas:

  1. Se você só apagou algo sem querer, ou se arrependeu, provavelmente conseguirá recuperar (desde que não tenha passado muito tempo, e/ou você já tenha feito muita coisa no seu celular – é isso o que faz com que apague em definitivo, pois uma gravação em cima de outra torna a “arqueologia” do resgate de dados impossível.
  2. Se você fez o que eu fiz e restaurou as configurações de fábrica, provavelmente NÃO conseguirá recuperar, pois os programas simplesmente não conseguem puxar nada por baixo de um processo tão radical.
  3. A grande, absoluta maioria dos programas que prometem recuperar dados gratuitamente são na verdade pagos, e não têm a eficiência prometida, com exceção de situações simples como apagar uma foto, se arrepender, imediatamente usar um programa desses e recupera-la. Vou descrever as experiências que tive com cada um deles.

Os softwares e apps que testei:

Antes de mais nada você precisa saber duas coisas: o que é “root” e quais seriam as vantagens de usar um programa de computador para usar seu celular, ao invés de simplesmente baixar um app direto nele e sair tentando recuperar os dados.

ROOT: Muitos apps e programas vão dizer que precisam de “root”, ou “rootear” seu celular. “Dar root” quer dizer, na linguagem do celular, permitir que o usuário através de programas, possa entrar literalmente no cerne lógico do computador, ir na RAIZ (Root) dele. Isso significa, como todos os programas gostam de deixar claro, que ao mesmo tempo que as varreduras atrás de informação perdida são as mais profundas possíveis, por outro lado podem oferecer RISCOS ao celular. Riscos que, segundo li, podem detonar mesmo seu celular. É como um neurocirugião mexer no seu cérebro, saca? Pode curar, pode… Ferrar de vez. Então o primeiro passo é sempre, sempre, tentar não usar. E se nada mais der certo, e se o que você tem para recuperar valer até mesmo o risco de perder o celular… Então pode-se ir em frente. Como não fui bem sucedido sem root, entrei na fase de explorar todas as alternativas com root. A experiência de “rootear” é um capítulo a parte, que publiquei neste artigo.

SOFTWARE x APP: A vantagem de baixar um programa para o seu computador, e através dele (conectado por cabo usb) rastrear o celular é simples: você não está colocando mais dados dentro do celular, e isso quer dizer que as chances de você gravar por cima do que quer encontrar estão reduzidas – maior a possibilidade de “vitória”! Então, recomendo que você primeiro tente fazer esse procedimento. Se nada mais der certo, então pode-se partir para os apps.

Agora, sim, veja o que já testei e os comentários:

  • Wondershare Dr. Phone Toolkit para Android (inglês): O software é muito bem organizado e os desenvolvedores tem uma página de suporte e uma comunidade em torno que parece ser bem ativa. O programa explicitamente é mais “esperto” para interagir com a marca SAMSUNG do que com os outros. Ele é fácil de usar, faz um “root” seguro e temporário. Ele permite você procurar apenas por contatos e sms… mostra todos os resultados que obteve, você pode visualiza-los. Mas caso queira traze-los de volta, precisa se registrar. Acho justo. Já os demais itens procuráveis (fotos, vídeos, documentos, etc. etc., só pagando até para procurar. Na minha experiência com o celular ALCATEL não fui bem sucedido, ele não achou o que eu queria (mensagens SMS), então não perdi tempo, passei para o próximo.

COM ROOT: Ele realmente tem uma experiência macia, positiva na conexão com o celular. Boa interface, pede educadamente autorização para o “Superuser” (é o programa da Kingo que passa a controlar as “coisas root” uma vez que você instale o “Kingo Root”, e uma vez dada, a tela do celular informa da autorização, enquanto que a tela do computador mostra o percentual do trabalho. Rapidamente ele concluiu seu trabalho… Infelizmente não achou minhas mensagens, o que me desanimou bastante.

  • Aiseesoft Free Android Data Recovery da empresa: Bem mais simples, ele foi lá, varreu e nada achou além do que o Dr. Phone. Com uma diferença, ele nem procura mas por outras coisas além de contatos de telefone e logs de chamadas (ridículo), mas pelo menos te permite resgatar. No meu caso, muito grave, ele não achou nada, e pediu para eu baixar outro software (Kingo Root) da mesma empresa para “dar o root” e ir mais fundo. Resolvi passar para outro.

COM ROOT: Ele recomendou o Kingo Root mas quando tentei conecta-lo rooteado a segurança avisou que ele estava tentando instalar o Towelroot. Não teriam a mesma função? Esperei um pouco e o programa se “cansou”, dizendo que não conseguiu acessar o root. Ele então diz que se quiser fazer uma leitura profunda tem que apertar o botão com root e ele somente abre uma página no navegador, apontando para o Kingo novamente…

COM ROOT (Segunda tentativa): Como nada consegui com os outros, resolvi aceitar as regras do jogo dele. Achei que ia de novo pedir o Towelroot… Mas não. No lugar dele, instalou o FoneGO. Rastreou, achou um pouquinho mais de contatos que antes. Muito  danificados… Deixa pra lá…

  • Tenorshare Android Data Recovery: Esse “cara” tem um jeito diferentão. Na primeira página da empresa eles já anunciam inclusive recuperar dados de celulares como o meu, cujos dados se foram na restauração de configuração de fábrica. Instalação rápida, e ele pede para esperar com paciência, pois ele vai “conseguir autorização de superusuário”. Ele quis dizer foi buscar informações de meu celular como se ele estivesse rooteado. Como não está por enquanto, abriu uma página de como eu posso fazer root. Fiquei por aí mesmo.

COM ROOT: Foi o primeiro software que tentei com o root… O que aconteceu? Ficou mais de dez minutos tentando fazer algo com uma tela dizendo para eu esperar pacientemente de três a cinco… Desisti.

  • Eassos Android Data Recovery: Logo de cara pede Root, e me mostra que “não vai ter jeito”. Ele não me deu opções claras de buscar pelos SMS, tendo uma interface mais complicada que os demais. Mesmo fazendo root, o aplicativo da Eassos está fora da jogada.

COM ROOT: A tela bem seca dele abre e, se você não seleciona o que quer em um botão meio escondido, ele escaneia da cabeça dele. Tendo eu selecionado ou não, ele exibiu em segundos uma tela de que o processo não deu certo, e pede que eu troque o cabo USB!

  • Thundershare Free Android Data Recovery: Mesma coisa, conectou-se ao celular e pediu o root.

COM ROOT: Abriu e escaneou geral. Nada de SMS velho. Nada a mais que os outros. Quando pedi a título de teste que recuperasse três contatos que ele achou no lixo, entrou uma tela pedindo e-mail de registro e uma chave de registro… E um botão “comprar”. Não vale nada disso para recuperar três contatos fáceis. Que desanimo.

  • MobiKin Doctor for Android: Idem.

COM ROOT: WOW, o rastreamento dele foi rápido, rápido demais. Achou mais contatos que os demais! Diria que foi o melhor. Mas nada das minhas SMS.

Atenção sobre todos os softwares: As vezes você não percebe bem a tentativa do programa obter autorização do “superuser” para mexer na raiz do computador. Abra o superuser e veja se não tem uma autorização pendente, pois o Scan do programa pode ter ficado sem “ir fundo” (isso aconteceu com o Mobikin por exemplo).

Nem tentei:

  • 7-Data Android Recovery: Nem tentei, pois ele não foi desenhado para recuperar SMS. Parece um aplicativo mais simples, para quem apenas apagou uma foto sem querer por exemplo.
  • Remo Recover for Android: Idem, embora seja mais simpático que o 7-data.

Uma vez frustradas as tentativas de recuperação via computador, parti para os APPS.

Depois de buscar por dicas na Internet e pesquisar muito no Google App, baixei diversos deles, e antes de comentar um por um, devo dizer que a experiência me ensinou o seguinte:

  • Há uma infinidade de aplicativos para recuperação de imagens, que aparentemente são mais fáceis de trazer de volta que os SMS, que estão atrelados a arquivos do sistema;
  • Recuperação e Restauração são coisas muito diferentes. A maioria dos Apps é do tipo “Backup & Restore”, e isso significa que ele recupera tudo o que ele mesmo salvou previamente! Portanto, no meu caso, são inúteis. Muitos apps que prometem recuperar (recovery) são na verdade desse tipo;
  • Os apps são mesmo muito mais limitados que os softwares para PC que se conectam ao celular.

Dito isto, comento agora a experiência que tive com os seguintes aplicativos de celular:

  • GT Recovery: O app da empresa chinesa parece realmente tentar vasculhar as profundezas do celular. Mas no caso do SMS, nada encontrou. Um detalhe interessante é que pesquisando você encontrará vários “GT Recovery”. São todos iguais! A empresa deve lançar versões com “cores diferentes”, talvez para aparecer mais na lojinha de apps da Google, mas não muda nada.
  • GT SMS Recovery: Poxa, um específico da GT para meu problema! Só que deu no mesmo.
  • SMS Recovery: Esse aplicativo é uma piada. É mais um daqueles que na verdade é “Backup & Recovery”.
  • Dr. Fone: Esse talvez seja o mais badalado dos apps, pois é a versão app do software para PC. Na verdade, parece que é a única empresa que realmente se preocupou em tentar rastrear a memória interna profunda em busca de dados. Na leitura gratuita que ele fez, não visualizou nada de diferente de seu irmão para computador.
  • Undeleter: Esse é um programa clean, honesto, mas pelo visto o poder de fogo para SMS é pequeno. Nada feito. De qualquer forma, recomendo a tentativa para outras buscas.
  • Data Recovery Program: É desses “Backup & Recovery”.
  • Mobile Data Recovery: Também  desses “Backup & Recovery”.
  • Deleted Data Recovery: Uma lixeirinha com ícone de reciclagem. É só abrir e ele já rastreia, e te passa resultados, lindinho. Mas só varre mesmo mídias: vídeos, imagens, músicas, etc. Se faz isso bem eu não sei.

Conclusão…

(como sempre) Prevenir é a verdadeira solução para o futuro: não dê mole

Pois é minha gente, lá se foi meu patrimônio intelectual, além de horas e horas de vãs tentativas… Ao mesmo descobri o “root” e saio da experiência com um celular muito melhor do que antes. Fora isso, muito tempo e mufa queimada a toa, e por não querer que mais ninguém passe por isso, fica aqui a velha máxima, que serve para a saúde do corpo, da cabeça, e dos dispositivos eletrônicos todos. PREVENÇÃO. No caso dos celulares, instale de uma vez um app de backup na nuvem e seja feliz. Teste algumas vezes no primeiro mês, para ter certeza que o bicho funciona. O meu celular veio com um de fábrica, o “one touch”; ele não funcionou direito, e seja porque a tecnologia não era boa, seja porque eu não soube usar, sim, foi aí que me dei mal. Então… Teste e aprenda a fazer a coisa direitinho.

***

*Arnaldo V. Carvalho, cidadão do mundo, professor, terapeuta e pai, de vez em quando briga feio com a tecnologia que usa, e compartilha suas experiências (e agruras) com o lado high-tech da sociedade.

Anúncios

Read Full Post »

%d bloggers like this: