Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Outubro, 2010

“Penetra no coração de uma gota d’água – serás invadido pelas marés de cem oceanos puros”.

Mahmūd Shabistarī (1288 – 1340)

Read Full Post »

Contando histórias dos Waiwai Os Waiwai são indígenas que habitam a região sul de Roraima, nordeste do Amazonas e oeste do Pará. Aqui são cerca de 600 indígenas espalhados por 8 aldeias que ficam as margens dos rios Anauá, Jatapu, Jatapuzinho e Cobra. São bem diferentes dos demais povos da região, se destacando pelo porte atlético, pelo bom humor e pela receptividade. Dizem que sempre foi assim. Nos primeiros contatos com os missionários evangélicos houve uma grande aceitação … Read More

via Impressões Amazônicas

Read Full Post »

Quando pequeno, acordar cedo e ir a TV vinha com um presente: desenhos que só passavam para os meninos e meninas que realmente dormiam com as galinhas e conseguiam levantar antes do Bozo (o primeiro). Depois acho que ficou mais fácil, passou pra de tardinha… Onde foram parar esses desenhos tão divertidos? Aos nostálgicos de todas as gerações que curtem desenhos animados, segue aqui um Revival. BOM DIA!

Read Full Post »

Todo mundo merece.

Todo mundo merece respirar.

Todo mundo precisa de vez em quando parar…

Então relaxa os olhos no horizonte, um pouco

Ouve o som das ondas

Mas caso elas não estejam lá

E nem o horizonte vença os prédios de concreto

Assista então esse clip, calad@

Deixa ele entrar

Suspira e seja feliz por um instante.

Arnaldo

Breakdown

I hope this old train breaks down
Then
Then i could take a walk around
And see what there is to see
Time is just a melody

 

All the people in the streets
Walk as fast as their feet can take ´em
I just roll through town
And though my windows got a view
Well the frame i´m looking through
Seems to have no concern for now
So for now

 

I need this
Old train to breakdown
Oh, please just
Let me please breakdown

 

Well this engine screams out loud
Centipede gonna crawl westbound and
So i don’t even make a sound ´cause
It´s gonna sting me when leave this town

 

And all the people in the streets
That i´ll never get to meet
If these tracks don’t bend somehow
And i got no time that i got to get
To where i don´t need to be

 

So i
I need this
Old train to breakdown
Oh, please just
Let me please breakdown
I need this
Old train to breakdown
Oh, please just
Let me please break down

 

I wanna break on down
But i can’t stop now
Let me break on down

 

But you can’t stop nothin’
If you got no control
Of the thoughts in your mind
That you kept in, you know
You don´t know nothin
But you don´t need to know
The wisdoms in the trees
Not the glass windows
You can’t stop wishin´
If you don´t let go
The things that you find
And you lose and you know
You keep on rollin’
Put the moment on hold
The frame’s too bright
So put the blinds down low

 

I need this
Old train to breakdown
Oh, please just
Let me please breakdown

 

Wanna break on down
But i can’t stop now

Read Full Post »

Quem ainda não leu “A Árvore Generosa”, leia. Com o texto abaixo, dá para entender melhor quem são as árvores de nossas vidas. Gostaria muito de saber da autoria deste cartoon bonitinho, sensível e muito pertinente para os dias de hoje. Ele rola na Internet e dar os devidos créditos, mas desconfio que vá ter dificuldades, devido a nacionalidade do mesmo… Se alguém souber, peço que informe!

Quando vc era bem pequeno…

…eles gastavam horas te ensinando usar talheres nas refeições…

…te ensinando vestir, amarrar cadarços de sapatos, fechar botões da camisa..

…te ensinando lavar seu rosto, pentear seus cabelos…

…te ensinando valores humanos…

…por isso…

…quando eles ficarem velhos um dia…

…quando eles começarem a ficar mais esquecidos e demorarem a responder…

…não se chateie com eles…

…quando eles começarem a esquecer de fechar botões da camisa, de amarrar cadarços de sapato…

…quando eles começarem a se sujar nas refeições…

…quando as mãos deles começarem a tremer enquanto penteiam cabelo…

…por favor, não os apresse…
porque você está crescendo aos poucos, e eles envelhecendo…

…basta sua presença…

…para coração deles ficarem aquecidos…

…se um dia eles não conseguirem se equilibrar ou caminhar direito…

…segure firme as mãos deles e os acompanhe
bem devagar durante a caminhada…

…assim como…

…na época em que eles ficavam com você.

 

“E a árvore ficou feliz”

Read Full Post »

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/

http://groups.yahoo.com/group/babes_in_blue/


Read Full Post »

Gravado quando Karen Carpenter tinha apenas 24 anos. Um sonho de voz. Que inspire os corações. Arnaldo

Desperado

https://arnaldovcarvalho.files.wordpress.com/2010/10/melancolia2.jpg?w=300

Desperado, why don’t you come to your senses?

You’ve been out riding fences for so long now
Ah, you’re a hard one
But I know that you’ve got your reasons
These things that are pleasin’ you can hurt you somehow
Don’t you draw the Queen of Diamonds, boy
She’ll beat you if she’s able
You know the Queen of Hearts is always your best bet
Now it seems to me some fine things have been laid upon yourtable
But you only want the one that you can’t get
Desperado, ah, you ain’t gettin’ no younger
Your pain and your hunger, they’re drivin’ you home
Freedom, ah, freedom, that’s just some people talkin’
You’re a prisoner walkin’ through this world all alone
Don’t your feet get cold in the wintertime
The sky won’t snow and the sun won’t shine
It’s hard to tell the nite-time from the day
You’re losin’ all your highs and lows
Ain’t it funny how the feelin’ goes away?
Desperado, why don’t you come to your senses
Come down from your fences and open the gate
It may be rainin’ but there’s a rainbow above you
You better let somebody love you…
You better let somebody love you before it’s too late

Desperado

Desperado, por que você não cai na real?
Você já está cavalgando há muito tempo
Oh, você é durão
Mas eu sei que você tem suas razões
Essas coisas que te agradam também podem te prejudicar
Não tire a Dama de Ouros, garoto
Ela vai te bater se puder
Você sabe que é sempre melhor apostar na Dama de Copas
Agora parece que algumas coisas boas foram colocadas na sua mesa.
Mas você só quer as que não pode ter
Desperado, oh, você não está ficando mais jovem
Sua dor e sua fome estão te levando pra casa
E liberdade, oh, a liberade é só o que as pessoas falam
Sua prisão é andar por esse mundo sozinho
Seus pés não ficam gelados no inverno?
O céu não neva e o sol não vai brilhar
É difícil distinguir a noite do dia
Você está perdendo todos os seus altos e baixos
Não é engraçado como o sentimento vai embora?
Desperado, por que você não cai na real?
Desce da sua sela, abra o portão
Pode estar chovendo, mas tem um arco-íris em cima de você
É melhor você deixar alguém te amar… (Deixe alguém te amar)
É melhor você deixar alguém te amar antes que seja tarde demais.

Read Full Post »

Older Posts »

%d bloggers like this: